Condomínio, quais são as horas de silêncio e quais os riscos de quem não as respeita?

Horas de silêncio no condomínio: aqui estão o que são e quando você pode fazer barulho (para trabalhos domésticos e não só). Quem não respeitar estes tempos corre o risco de uma multa que pode variar de acordo do condomínio.

Quais são as horas de silêncio no condomínio e o que acontece com quem não as respeita? Entre as regras do condomínio está também a proibição de fazer barulho excessivo nos horários em que geralmente se dorme ou descansa.

Quem, durante as horas de silêncio do condomínio, ouvir música alta ou usar furadeiras, ou outros instrumentos barulhentos, arrisca ser advertido pelo administrador do condomínio e, nos piores casos, sentenciado judicialmente.

Clique e saiba mais

Quais são os tempos de silêncio?

A Lei do silencio em condominios são aquelas incluídas no intervalo de tempo em que, geralmente, se descansa. Eles não são determinados por lei, mas por regulamentos individuais de condomínio.

Normalmente os momentos em que é necessário ter cuidado para não produzir ruídos são:

  • antes das 8:00 da manhã
  • depois das 22:00

Enquanto no horário das 8h00 às 13h00 e das 16h00 às 21h00 há maior tolerabilidade; você pode fazer trabalhos domésticos (por exemplo, ligar a máquina de lavar ou lavar louça), fazer reparos em casa ou praticar com instrumentos musicais.

Em que horários o trabalho doméstico pode ser feito?

O trabalho doméstico - por exemplo, reformas, reparos ou montagem / desmontagem de móveis - pode ser muito barulhento, portanto, pode ser feito nos horários não incluídos naqueles em que o silêncio deve ser mantido (antes das 8h00 e depois das 21h00).

Portanto, há luz verde para o trabalho doméstico entre as 8:00 e as 13:00 e entre as 15:00 e as 17:00.

De qualquer forma, antes de iniciar os trabalhos, é bom verificar o regulamento do condomínio e verificar a existência de outras proibições ou regras a serem respeitadas.

Quando você pode fazer barulho aos domingos?

Aos domingos e sábados os tempos de silêncio são os mesmos: ruídos excessivos (além da tolerabilidade normal) são proibidos antes das 8h00, das 13h00 às 15h00 e depois das 21h00.

O que fazer se um condomínio fizer barulho?

Morar em condomínio não é fácil e, muitas vezes, é preciso lidar com vizinhos mal-educados que não respeitam os horários de silêncio indicados no regulamento do condomínio.

A primeira coisa a fazer se um vizinho for excessivamente barulhento é tentar os modos bem-humorados e entregar uma carta de advertência convidando-o a interromper o comportamento ou comportamentos em questão (ouvir música alta, andar de salto e assim por diante.).

Se as formas bem-humoradas não funcionarem, pode ser necessário mudar para as “maneiras difíceis”: primeiro você precisa ouvir a opinião dos outros condomínios, e depois pedir a gestão de condomínios que convoque uma assembleia. Aqui será avaliado se o ruído causado pelas reformas também incomoda os outros.

Ou seja, deve ser um ruído realmente irritante, não tolerável e percebido por vários condomínios. A avaliação do limiar de “tolerabilidade normal” é feita pelo juiz por meio de especialistas que recorrem a dispositivos específicos.

A sanção administrativa pode aumentar se os ruídos forem causados ​​por quem exerce uma profissão barulhenta por profissão contra as regras do ordenamento jurídico.

Separamos exclusivamente para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

treze − seis =

Go up