Como a tecnologia impactou o engajamento e colaboração nas empresas

A Covid-19 trouxe muitas mudanças para o ambiente de trabalho nos últimos 2 anos e agora é hora de analisar como a tecnologia impactou o engajamento e colaboração nas empresas.

O uso de ferramentas tecnológicas, que já fazia parte do nosso cotidiano, intensificou-se fortemente com grande parte da força de trabalho indo para o regime home office. Pelo o que indica uma pesquisa feita pela FEA USP e a FIA essa modalidade de trabalho veio para ficar.

Segundo mostra o levantamento, após um ano trabalhando remotamente, muitos profissionais preferem ficar em casa, principalmente porque já destinaram um local físico dentro de seus lares para exercerem seu trabalho. 

Outros fatores também influenciaram nessa decisão, como flexibilidade de horário, economia no tempo de deslocamento, conciliação de vida pessoal com profissional, etc.

Diante dessa aprovação do trabalho remoto, quais são os novos desafios para as empresas que precisam se adequar a essa nova realidade? Confira nos próximos tópicos.

Como a tecnologia impactou no engajamento e colaboração nas empresas e quais os dilemas empresariais do presente?

Como já era de se esperar, uma mudança repentina da forma de trabalho trouxe consequências boas e ruins para as empresas.

De um lado vemos uma grande redução de custos com locação de escritórios corporativos e salas. Despesas com insumos rotineiros como água, luz, papel e material de escritório reduzem drasticamente, e tudo isso em um momento de crise foi visto com bons olhos.

De outro ângulo, temos o que se apresentou e ainda se apresenta como um grande desafio: a comunicação espontânea entre equipes deixou de existir, o espaço compartilhado, sinergia, resoluções de problemas rápidos se tornou inexistente. 

Tudo isso tornou a integração profissional um pouco mais difícil, trazendo problemas de foco e atenção e dificuldade nos relacionamentos conforme cita a pesquisa realizada pela Grand Thornton Brasil.

Falta de tecnologia e estrutura igualitária para todos

Quando alocados no escritório, todos os profissionais têm acesso ao mesmo tipo de mesa, cadeira, equipamento e, principalmente, todos contam com uma boa conexão de internet.

Já no cenário de trabalho remoto, cada pessoa terá o seu próprio equipamento, os seus próprios móveis e a sua própria rede de internet. Isso expõe os membros da equipe a situações e ritmos de trabalho diferentes.

Falta de acesso aos documentos

Muitas empresas que ainda não haviam passado por uma transformação digital completa sofreram quando a pandemia da Covid se espalhou por todo o mundo, já que o canal de vendas presencial foi suprimido.

Rapidamente, muitas empresas tiveram que buscar canais alternativos de vendas e estabelecer novos pontos de contato com seus clientes, como por exemplo as redes sociais.

Além disso, muitos negócios tiveram que mandar os seus colaboradores para casa, causando um impacto na rotina e produtividade.

Esse impacto foi ainda maior para aquelas que tinham todos os seus documentos e outras informações importantes somente em papel.

Dessa maneira, muitos colaboradores tiveram problemas em buscar e acessar dados que são fundamentais para realizar um trabalho mais fluido e rápido. Isso acabou gerando atrasos em entregas e profissionais desmotivados, prejudicando, ainda mais, o engajamento e colaboração.

Falta de comunicação

O hábito de se comunicar presencialmente com colegas e gestores também é um ponto que impactou negativamente o engajamento e a colaboração dos times nas empresas.

Períodos de pausa, andar pelos andares, almoços e cafés juntos, por exemplo, são momentos de descontração que foram perdidos com a adesão do trabalho remoto. Além disso, muitas pessoas utilizavam essas oportunidades para se comunicar sobre temas relacionados ao negócio.

Agora, em diversos casos, as conversas com os gestores e colegas de trabalho são  somente por tela, para tratar apenas sobre assuntos relacionados à empresa. 

Por causa disso, o engajamento e colaboração entre os times começou a decair, já que esses ambientes passaram a ser mais frios sem as usuais trocas de amenidades.

Plataformas colaborativas digitais

Pensando em como a tecnologia impactou o engajamento e colaboração nas empresas, uma das chaves, sem dúvidas, está nas plataformas colaborativas digitais que proporcionam o estreitamento do contato e das relações.

Elas foram e, com os novos avanços tecnológicos, continuarão sendo a base para aumentar o engajamento e sinergia entre equipes e também será de grande valia para estabelecer e manter a cultura empresarial para novos e antigos colaboradores.

O que são plataformas colaborativas?

Essas plataformas são softwares que permitem o acesso online e simultâneo de várias pessoas.

Nelas, você pode organizar todo e qualquer processo que desejar, como fluxo de trabalho, calendário de entregas ou de demandas, fluxo de vendas, de produção, entre muitos outros.

As ideias principais são a integração e colaboração! Ou seja, você e seu time podem acessar, editar e trabalhar em um documento ao mesmo tempo, mesmo estando em locais diferentes.

Como as plataformas colaborativas digitais melhoram o engajamento e a colaboração?

Por ter ambientes e templates que favorecem a comunicação, integração e facilitam o dia a dia da equipe, as plataformas colaborativas digitais são itens necessários para manter o engajamento e a interação do time.

Veja como as ferramentas de compartilhamento remoto e consequentemente a tecnologia impactam o engajamento e colaboração nas empresas.

Ajuda a envolver os colaboradores em decisões

Ao incentivar os profissionais a se engajarem e participarem de ações e do posicionamento da empresa, você traz um sentimento de pertencimento. Dessa forma, todos entendem para qual direção estão seguindo e se empenham para chegar até o objetivo.

Com uma ferramenta colaborativa online, é possível criar uma conferência, fazer votações, criar fóruns e enquetes, entre outros.

Um outro recurso que pode ajudar na sinergia da equipe é a construção de ideias em conjunto, soluções são muito mais fáceis de serem encontradas com várias pessoas pensando junto e para fazer essa estratégia funcionar, sua equipe pode usar uma ferramenta de canvas online interativa, onde todos podem colaborar em tempo real.

Promove a facilidade de acesso

Um trabalho que possa ser executado sem grandes entraves, de forma fluida, engaja muito mais o time, por isso a facilidade de acesso a documentos e relatórios da empresa deve ser simples e prática.

As ferramentas colaborativas, como o Google Drive, por exemplo, permitem que você coloque todos os documentos online e, quando há alguma alteração, ela é feita em tempo real para o time que tem acesso a ele.

Dessa forma, tudo estará armazenado em um só lugar e poderá ser acessado a qualquer momento, sem depender de qualquer outra pessoa.

Agrega valor ao indivíduo

Quando os profissionais se sentem valorizados e enxergam benefícios em seu local de trabalho, o nível de satisfação com a empresa aumenta e tudo isso impacta de forma positiva o negócio.

Com as ferramentas de trabalho remoto, é possível oferecer e organizar workshops, cursos e palestras online de forma interativa usando um mapa conceitual como ferramenta de colaboração.

Para trazer um clima descontraído e leve, é interessante apostar em temas que fujam do assunto de trabalho. Uma outra alternativa para aumentar o engajamento e colaboração na companhia, é chamar os colaboradores para falarem sobre algum tema que dominam e têm interesse. 

Certamente a tecnologia impacta o engajamento e colaboração nas empresas, podendo mudar de forma drástica o clima organizacional, no entanto, o uso correto das ferramentas depende de cada usuário e principalmente do líder que irá fomentar a cultura de colaboração e engajamento para sua equipe.