Benefícios da massagem para grávidas

Os benefícios da massagem durante a gravidez  são muito benéficos, ela ajuda na redução de dores nas costas e nas pernas, melhora a autoestima, prevenção de estrias, hidrata a pele, reduz o estresse e a ansiedade e ajuda no combate à depressão.

Porém, algumas massagens não são indicadas durante a gravidez porque aumentam a circulação, estimulam pontos reflexos, aumentam a pressão intra-abdominal ou causam contrações uterinas, que podem ser prejudiciais ao bebê. Portanto, o melhor é realizar apenas massagens especiais realizadas por terapeutas profissionais para que as gestantes desfrutem de todos os seus benefícios com segurança e eficácia.

Através de um Curso de Massoterapia o profissional saberá quais são as devidas massagens que deverão ser feitas.

Benefícios da massagem durante a gravidez 

Seu bebê pode se beneficiar da massagem na gravidez porque tem um efeito calmante em você. Seu filho fica melhor quando você está saudável. Essa atividade pode ajudar no controle de dores nas costas e melhorar a saúde mental.

Você sempre deve encontrar as melhores técnicas de relaxamento que funcionem para você. Pois, é sempre importante relaxar.

Veja algumas dicas abaixo:

Massagem Gravidez: Massagem por um massagista qualificado exclusivamente para mulheres grávidas.

Massagem regular: Se você não gosta que ninguém toque em abdômen, massageie sua cabeça, pescoço e ombros ou mãos e pés

Óleos de aromaterapia: compre óleos de aromaterapia que tem a função de serem calmantes e adequados para a gravidez. O aroma ajuda na redução do estresse, porém sempre verifique se o óleo que você escolheu é seguro durante a gravidez.

Massagem do parceiro: peça ao seu parceiro para massagear as suas costas, ombros e os pés, essa massagem vai reduzir a tensão.

Banho quente: os banhos relaxam os músculos e a mente.

Se você ainda se sentir sobrecarregado, converse com seu médico. Ele pode ajudá-lo a expressar seus sentimentos ou encaminhá-lo para outros profissionais que possam fornecer tal ajuda.

Tipos de massagens para grávidas

Veja exemplos de massagens que podem ser feitas durante a gravidez são:

·         drenagem linfática manual;

·         massagem relaxante;

·         massagem terapêutica;

·         Massagem Ayurvédica;

·         massagem nos pés ou reflexologia;

·         Whatsu, semelhante ao Shiatsu, mas feito na água.

Outra massagem indicada para gestantes, é a massagem pélvica, que só pode ser realizada na última fase da gravidez pela própria mulher ou seu parceiro diretamente na região íntima e perineal para preparar o corpo e aumentar a flexibilidade da região pélvica músculos, Promover o parto normal. Esta massagem deve ser dirigida por um profissional especializado neste método.

Cuidados essenciais durante a massagem para grávidas

A duração de uma massagem jamais deverá ser maior do que 40 minutos e ela pode ser feita a qualquer momento. A frequência, deverá ser de pelo menos de 1 à 2 vezes por semana, com a finalidade de colher os melhores resultados.

Os seguintes pontos reflexos não devem ser estimulados: A meio caminho entre o polegar e o dedo indicador, a parte interna do joelho e ao redor do tornozelo, pois facilitam as contrações uterinas. 

A grávida por ser massageada com óleo de amêndoas, de semente ou até um creme hidratante, essas loções vão ajudar no deslize da mão pela pele e irá absorver mais lentamente do que os hidratantes comuns.

Deve-se ter cuidado com a presença de óleos essenciais em alguns óleos e hidratantes, pois são feitos de plantas medicinais e nem todos podem ser usados ​​durante a gravidez.

Posição ideal para grávida receber massagem

O mais importante é nunca pressionar o abdômen, por isso quem tem uma maca para gestantes, com abertura no meio, leva vantagem quando as costas precisam ser tratadas, mas se essa maca estiver fora de alcance , você pode usar uma maca que pode ajudar. Almofadas e suportes projetados para manter o conforto feminino, garantindo que ela fique relaxada durante toda a massagem.

Massagem no rosto, peitoral e barriga

As mulheres devem sempre descansar as pernas em um travesseiro de formato triangular, que mantém as pernas flexionadas e os joelhos elevados, pois isso vai evitar o aumento da pressão intra-abdominal e proporcionará um maior conforto e sustentação para a coluna. Porém, essa posição reduz a quantidade de oxigênio que chega ao bebê, portanto, as mulheres não devem ficar nessa posição por muito tempo.

A massagem abdominal deve ser muito suave e jamais deverá durar mais do que 2 minutos, pois promove as contrações uterinas.

Massagem no pescoço, costas e pernas

Durante a massagem, as mulheres são mais adequadas para deitar no lado esquerdo, o travesseiro pode ser colocado sob a cabeça e outro sob as pernas, o corpo deverá estar levemente inclinado para a frente. Em vez de apoiar uma perna na outra, algumas gestantes deixam a perna na parte superior do corpo relaxar, porém com o joelho na maca, um pouco mais à frente do corpo.

Se você está interessado em aprender mais sobre as massagens, indicamos que você faça  Cursos Online sobre o assunto.
Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Certificado Cursos Online, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre cursos, educação e diversos segmentos.