Quais são as principais causas de problemas no esmalte dentário?

O esmalte dentário é o tecido mais mineralizado e resistente do corpo humano, sendo uma das principais estruturas que compõem os dentes juntamente com a dentina e a polpa.

Cerca de 10% do esmalte dos dentes é composto de água e outras substâncias orgânicas. Os outros 90% incluem:

  • Cobre;
  • Zinco;
  • Minerais;
  • Magnésio.

É a parte visível da arcada dentária e é sustentada pela dentina, a camada que encontramos abaixo do esmalte, que é menos dura, menos mineralizada e composta por material orgânico.

Abaixo da dentição, encontramos a polpa composta por nervos e tecido conjuntivo.

Em geral, o esmalte dos dentes vem em uma variedade de cores, variando de amarelo pálido a esbranquiçado. É um tecido translúcido, portanto, a tonalidade da dentina e do material subjacente está diretamente relacionada à sua aparência.

Clique e saiba mais

A importância do esmalte dentário

A principal função do esmalte é proteger os dentes. Por ser a camada mais dura, ele acaba agindo como um escudo protetor para a dentina e os nervos, que são áreas mais sensíveis que podem exigir cuidados mais frequentes de um plano odontológico bom.

Dito isso, o esmalte dos dentes é o principal responsável pela prevenção de problemas bucais, como cáries e até sensibilidade dentária. Dessa forma, se o esmalte começar a ficar danificado, os problemas podem começar a aparecer.

Quando ingerimos alimentos muito quentes ou frios, bem como alimentos doces e azedos, os dentes podem começar a ficar mais sensíveis, causando dor e desconforto que podem exigir a procura de um dentista em um plano odontológico para empresas.

Portanto, o esmalte atua como uma camada protetora para evitar que esses problemas bucais ocorram, sendo necessário fazer um bom trabalho de saúde bucal para que o esmalte continue desempenhando suas boas funções.

Principais causas de problemas no esmalte dentário

Quando o esmalte começa a se desgastar, os dentes podem ficar amarelados e mais sensíveis, tornando-os propensos a problemas bucais que podem levar a cáries e infecções.

Outro fator de risco é que, por ser composto de minerais, o esmalte dos dentes não consegue se reconstruir naturalmente, o que pode levar a problemas difíceis de reverter. Confira uma lista das coisas que mais podem danificar o esmalte dos dentes e como evitá-las.

  1. Bruxismo

O bruxismo é uma condição que faz os dentes rangerem e apertarem, especialmente durante o sono, o que muitas vezes está associado ao estresse emocional. Como resultado, podem ocorrer desgaste do esmalte, dor, fraturas e apinhamento dos dentes.

Para evitar esses problemas, é preciso encontrar um dentista em um plano odontológico familiar ou individual para que ele possa avaliar o caso e indicar o tratamento mais adequado. Quando causado por estresse e ansiedade, os ansiolíticos podem ser necessários.

Outro tratamento muito utilizado é a placa miorrelaxante, que deve ser colocada sobre os dentes para proteger os dentes do desgaste, aliviar a articulação temporomandibular e proporcionar relaxamento muscular.

  1. Alimentos ácidos e açucarados

O consumo regular e excessivo de alimentos ácidos e açucarados, como refrigerantes e frutas cítricas, também pode levar à erosão do esmalte dentário. Para evitar esse problema, evite comer e beber esses alimentos regularmente.

Portanto, certifique-se de escovar bem os dentes após as refeições para evitar que o lixo se acumule entre os dentes. Além de visitas regulares ao seu dentista de confiança através do seu convênio odonto empresarial.

  1. Problemas de estômago

Condições estomacais como refluxo e gastrite, e até mesmo anorexia e bulimia, podem causar desgaste do esmalte dos dentes. Isso porque eles fazem com que os fluidos ácidos do estômago subam para a boca, corroendo o esmalte dos dentes.

Diante disso, controlar e tratar essas doenças é essencial para evitar danos ao esmalte dos dentes. Encontre especialistas, como gastroenterologistas e psicólogos, e inicie o tratamento o mais rápido possível.

  1. Escovar os dentes com força

Escovar os dentes para manter a saúde bucal é muito importante, no entanto, é preciso ter cuidado com a intensidade da escovação. Aplicar pressão excessiva e constante pode desgastar o esmalte dos dentes e torná-los quebradiços.

Dessa forma, você precisa ter calma e fazer movimentos circulares suaves, de preferência com uma escova de cerdas macias. Se você tem dentes sensíveis, conheça os benefícios da empresa de planos odontológicos, pesquise sobre quanto custa um plano odontológico e marque uma consulta.Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações e conteúdos sobre os cuidados com a saúde física e mental.

Espero que tenha gostado do conteúdo Quais são as principais causas de problemas no esmalte dentário? e inclusive quero agradecer a visita ao nosso Portal.
Aproveito e já aviso que temos mais conteúdos exclusivos para você na categoria Beleza e Saúde

Direto da Redação | Portal Celucine

Portal de conteúdo Celucine sempre trazendo as melhores matérias da internet. Aqui você tem a certeza de que está sempre bem informado e consumindo conteúdo de extrema qualidade. Seja bem vindo ao Portal Celucine

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezesseis − nove =

Go up